terça-feira, 4 de março de 2008

Jasmine: Um começo difícil

Foi difícil escolher um cocktail para começar este blog, e a escolha recaiu finalmente sobre o Jasmine, um cocktail não tão conhecido como o Martini, mas com ingredientes fáceis de encontrar em Portugal, que agrada tanto ao paladar do mais exigente bebedor de cocktails como ao de quem apenas quer exprimentar algo novo. É um cocktail com alguma complexidade, de maneira a gerar interesse nos próximos cocktails, espero eu. A melhor descrição deste cocktail é que sabe a sumo de toranja (traduzido de grapefruit, não sei se será exactamente correcto) e que é um cocktail bom para principiantes e para quem não está habituado a gin. De todas as pessoas para quem já o preparei, posso dizer que ainda ninguém conseguiu identificar o gin neste cocktail, ainda que seja uma parte importante deste. Essa é a beleza dos cocktails e deste em particular, em que a soma dos sabores dos diversos ingredientes cria um sabor único e distinto.
Paul Harrington foi o criador deste cocktail, na década de 90, logo não faz parte dos cocktails considerados clássicos, embora tenha muitas parecenças tanto no perfil de sabor como nos ingredientes, com cocktails como o Pegu Club. Apresento aqui duas versões, a original e a do Robert Hess, um dos mais entusiastas “mixologists” da net. Estas duas versões servem para exemplificar como uma subtil diferença de proporções pode criar todo um sabor diferente.
O Jasmine leva gin, Cointreau, Campari e sumo de limão. O gin como bebida base funciona muito bem dando o seu sabor sem se sobrepor aos restantes, o Campari contribui com o sabor acido (bitter), assim como o sumo de limão, e o Cointreau acalma a bebida dando o sabor doce, mantendo o perfil do cocktail nos citrinos. Na receita do Paul Harrington existe uma grande preponderância da acidez, notando-se muito pouco o Cointreau, enquanto que na receita do Robert Hess existe um maior equilíbrio. Deixo aqui as duas receitas, experimentem-nas e deixem aqui os vossos comentários, a ver qual acham melhor.

Jasmine

(Versão do Robert Hess)
1 1/2 oz gin
1 oz Cointreau
3/4 oz Campari
1/2 oz sumo de limão

(Versão do Paul Harrington)
1 1/2 oz gin
1/4 oz Cointreau
1/4 oz Campari
3/4 oz sumo de limão

Agitar (shake) com gelo, servir num copo de cocktail
Enfeitar (garnish) com meia rodela de limão

Nota: Deixei as medidas em "ounces", sendo 1 oz equivalente a 30 ml (mais ou menos). Também inclui alguns termos em inglês até arranjar uma tradução que me agrade.


Têm aqui o video do Robert Hess de como fazer um Jasmine, podem encontrar mais informações e o video original em:

video

Sem comentários: